02 Mai 2019

Seguro de Vida Crédito Habitação – Um Guia Prático

Tem um crédito habitação e gostava de saber como pode ter o melhor seguro de vida? Vai fazer um novo crédito e precisa de estar protegido? Neste guia prático, vamos dizer-lhe tudo o que precisa de saber para fazer a escolha acertada.

Para que precisa de um seguro de vida crédito habitação?

O seguro de vida crédito habitação é considerado um seguro obrigatório para quem vai fazer um crédito habitação. Não sendo obrigatório, os bancos condicionam a atribuição do crédito à contratação deste seguro. E o motivo é simples. O banco quer ter a garantia que o seu empréstimo é liquidado no caso de acontecer alguma coisa ao seu cliente. Com isto, consegue reduzir o risco de incumprimento. E tenha em atenção que não falamos apenas dos casos de morte, mas também de invalidez. Imagine a dificuldade que teria em pagar a prestação do crédito no caso de lhe acontecer algo grave…

Se o banco quer reduzir o seu risco, o cliente também tem todo o interesse em fazê-lo. E, ao contratar um bom seguro de vida está a garantir a segurança financeira da sua família, pois sabe que terá o crédito pago, reduzindo este encargo para os seus familiares. Daí que seja importante contratar um bom seguro, com coberturas abrangentes, e não focar apenas no preço mais barato.

Será que é obrigatório contratar o seguro de vida crédito habitação no seu banco?

A resposta é imediata. Não é obrigado a fazer o seguro de vida no banco onde vai contratar o seu crédito. No entanto, isto é ainda muito comum, pois tendemos a aceitar como certa esta obrigatoriedade. Somos também algo comodistas e não fazemos as contas. O certo é que os bancos nos acenam com uma redução simbólica no spread em troca de um prémio de seguro de vida muito mais elevado. Se fizer algumas contas irá concluir que pode poupar muito dinheiro em pouco tempo (já agora, compare a TAEG do seu crédito habitação com os seguros do banco e sem os seguros… irá facilmente concluir que vale a pena mudar).

Como analisar o preço que paga no seguro de vida crédito habitação?

Uma dica para poupar dinheiro no seu seguro de vida é não olhar apenas para o prémio do primeiro ano, que muitas vezes tem um desconto comercial de primeiro ano para captar o seu interesse, mas para a evolução do preço ao longo de toda a vida do contrato. Não precisa de fazer muitas contas, porque o seu mediador pode ajudá-lo e sem custo. Veja, por exemplo, a evolução do prémio do seguro de vida para um contrato de €150.000 e para um cliente com 40 anos de idade:

Como é determinado o prémio do seguro de vida crédito?

Como pode constatar, o prémio não se mantem constante ao longo dos anos. Assim, é importante que perceba esta evolução, que depende fundamentalmente de três critérios:

Coberturas – Quanto maior a abrangência das coberturas, e quanto mais baixas forem as exclusões, maior será a probabilidade de ativar o seu seguro. Assim, mais coberturas tenderão a gerar um prémio mais elevado.

Capital – Quanto maior o capital coberto maior o risco, pelo que maior será o preço. Tenha em mente que o capital evolui ao longo do tempo, pois o cliente vai liquidando o valor em dívida todos os meses, o que acaba por se traduzir na diminuição do risco.

Probabilidade de Sinistro – No caso do seguro de vida, a probabilidade do sinistro está associada à idade da pessoa segura e ao seu estado de saúde. Assim, quanto mais velhos ficamos maior a probabilidade de morte ou de invalidez. Quanto mais frágil for a nossa saúde, maior será a probabilidade de sinistro, pelo que poderemos ter situações de exclusões e de agravamentos.

Tenha em atenção à combinação destes critérios.

Nunca será de mais reforçar a importância de analisar a evolução do prémio de seguro ao longo do contrato. Se atrás vimos a subida do prémio do seguro e consequente queda, podemos analisar o caso de outro cliente, com 30 anos de idade e um capital em dívida de €100.000:


Como podemos constatar, o prémio do seguro de vida irá baixar ao longo do contrato, com uma queda mais expressiva nos últimos anos do contrato. Isto acontece porque o aumento do risco de idade é inferior à redução do risco pela amortização do capital seguro.

O que é a tarifa do seguro de vida?

A evolução do prémio ao longo da vida do contrato é denominada de tarifa. A tarifa cruza a idade e o capital seguro, tem em conta eventuais agravamentos e varia muito entre companhias de seguros. Algumas companhias dão maior relevo a clientes mais novos. Outras preferem Clientes não fumadores. Outras procuram clientes em idades mais avançadas. Esta diferente postura comercial implica prémios distintos.

Quais os tipos de coberturas do seguro de vida crédito habitação?

Existem diversas coberturas do seguro de vida do seu empréstimo. Como referido, os vários seguros podem distinguir-se pelas coberturas e exclusões. No entanto, temos em comum alguns grupos de coberturas:

Cobertura de Morte:

Uma cobertura que é ativada apenas na situação em que a pessoa segura tem a fatalidade de morrer.

Invalidez Absoluta e Definitiva (IAD):

Uma cobertura que se revela como bastante restritiva. Nesta cobertura, o seguro é ativado quando a pessoa segura apresenta um grau de invalidez tal que necessite do apoio de terceiros para fazer face às suas necessidades vitais mais básicas.

Invalidez Total e Permanente (ITP)

Esta cobertura mais abrangente pois é acionada quando a pessoa segura tiver um sinistro que implique num grau de incapacidade mais baixo. Este grau de invalidez é determinado, por norma, pela Tabela Nacional de Incapacidades e tipicamente tem um grau de invalidez de 60%, 65% ou 66%. A Invalidez de 60% é a mais reduzida pelo que podemos dizer que estará mais protegido com este grau de cobertura.

Por que tenho de fazer exames médicos?

Esta questão é muitas vezes colocada. E é colocada pela negativa. Tendemos a olhar para a necessidade de realizar exames médicos como algo desnecessário ou invasivo. No entanto, podemos pensar que a realização de exames médicos pode ser algo positivo. Em muitos destes exames são detetadas situações de saúde que necessitam de uma análise mais cuidada, podendo mesmo dizer-se que muitos exames salvam vidas. Pode olhar para os exames como um check-up gratuito à sua saúde.

A realização de exames médicos permite perceber se os clientes são saudáveis ou se existe alguma pré-existência que afete o risco de sinistro. A ideia não é impedir os clientes de terem um seguro (porque o negócio da companhia de seguros é fazer seguros), mas antes garantir que os riscos são conhecidos e bem tarifados.

Como ter o melhor seguro de vida crédito habitação?

Aqui chegados, e considerando a relação direta e imediata entre as coberturas e os prémios e, tendo em conta a necessidade de garantir a segurança financeira dos seus descendentes, sugerimos que pense com cautela. Que pense na companhia de seguros a quem quer confiar o seu futuro financeiro e que escolha um seguro de vida habitação que tenha as coberturas que precisa.

Caso precise de apoio na decisão, sugerimos que preencha o formulário abaixo. Será contactado por um mediador credenciado que o aconselhará e ajudará.