escritório seguro
08 Jul 2020

Regresse ao escritório em segurança

O processo de desconfinamento foi feito por fases e já conta com algum tempo, mas tem havido avanços e recuos na situação pandémica, consoante as zonas do país. Muitos trabalhadores regressam ao escritório ou estão em vias de regressar, nos próximos meses. Mas a adaptação ao novo normal causa algumas dúvidas e inquietações a empresas, trabalhadores e famílias. Uma parte da sociedade mantém-se em teletrabalho, a bem do distanciamento social, e outra regressa ao ‘novo normal’ com menos horas no escritório e um ambiente de trabalho com novas regras que é preciso observar. As autoridades oficiais como a Autoridade para as condições do Trabalho (ACT), a DGS e o Ministério do Trabalho juntaram-se para criar um guia de recomendações para adaptar os locais de trabalho e proteger os trabalhadores. Conheça estas medidas:

 

  1. Se tiver algum sintoma associado à COVID-19 não deve regressar ao seu local de trabalho sem antes confirmar que não existe risco para si nem para os outros, devendo para o efeito contactar a Linha SNS 24 (808 24 24 24) e ter essa confirmação.

 

  1. Se manteve contacto próximo com casos confirmados ou suspeitos de Covid-19, não deve regressar ao seu local de trabalho sem antes contactar a Linha SNS 24 (808 24 24 24) para obter as orientações adequadas à sua situação concreta.

 

  1. Se pertencer ao grupo de pessoas sujeitas a um dever especial de proteção, deve, preferencialmente, realizar as suas tarefas remotamente (teletrabalho).

 

  1. O regresso dos trabalhadores deve ser faseado, avaliandose é possível optar pelo teletrabalho.

 

  1. Assegurar o planeamento, monitorização e reforço da informação sobre as medidas de prevenção para trabalhadores e clientes e/ou fornecedores.

 

  1. Fornecer água e sabão ou desinfetante paraas mãos em locais convenientes.

 

  1. Assegurar uma boa ventilação e limpeza doslocais de trabalho.

 

  1. Reduzir os contactos entre trabalhadores, e entre trabalhadorese clientes e/ou

 

  1. Reduzir os contactos entre trabalhadores e outras pessoas nos intervalos, pausas e espaços

 

  1. Nas empresas ou estabelecimentos abertos ao público, eliminar ou limitar a interação física entretrabalhadores e clientes e/ou fornecedores.

 

  1. Garantir o acesso de todos os trabalhadores aos equipamentos de proteção individual (EPI) adequados.

 

  1. Reforçar as práticas de higienização dos equipamentos de proteção individual (EPI) eroupas de trabalho.

 

  1. Viagens de trabalho e trabalho prestado em veículos devem ser objeto de especiais precauções.

 

  1. Nas deslocações de e para o trabalho, deve evitar-se sempre que possível o ajuntamento de pessoas, nomeadamente nos transportes coletivos e no acesso aos locais de trabalho.

 

  1. O empregador deve garantir que estão reunidas as condições de prestação de trabalho em regime de teletrabalho.

 

  1. O empregador deve minimizar os riscos físicos e psicossociais para os trabalhadores que estão em regime de teletrabalho.

 

  1. O teletrabalho, em particular no quadro da atual pandemia, deve atender à necessidade de alguma flexibilidade sem deixar de se assegurar uma organização eficaz do trabalho.

 

  1. Empregadores e trabalhadores têm responsabilidades partilhadas na prevenção e mitigação da pandemia Covid-19 nos locais de trabalho.

 

  1. O diálogo social permanente e a todos os níveis é de particular importância neste contexto, pelo que é considerada boa prática o reforço da informação e consulta dos trabalhadores e, sempre que existam, das suas estruturas representativas.

 

A DGS tem ao dispor dos cidadãos vários sites onde concentra toda a informação atualizada e onde pode acompanhar a evolução da infeção em Portugal e no mundo. Pode ainda consultar as medidas de segurança recomendadas e esclarecer dúvidas sobre a doença.

Esta pandemia vem alertar a sociedade de que hoje, mais do que nunca, é muito claro que a proteção e a promoção da segurança e da saúde no trabalho são da máxima importância para trabalhadores, empresas, sistemas de proteção social e toda a comunidade.

É também um bom momento para repensar a sua proteção e a da sua família também. A APRIL seguros pode ajudar a que viva um dia a dia mais tranquilo, em tempos de incerteza.

Temos seguros que cobrem a pandemia e seguros de acidentes pessoais (que também têm coberturas que cobrem pandemia). Tudo com planos e coberturas ajustados à carteira de cada cliente, com muito poucos euros mês.

Esclareça qualquer dúvida aqui e contacte-nos para esclarecimentos adicionais.

 

Como posso saber mais?

Através da nossa Área de Cliente APRIL Seguros, com equipas especializadas que prestam um serviço de atendimento e suporte personalizado. A linha APRIL 808 300 123 / 213 433 362 disponível todos os dias úteis, de 2ª a 6ª feira, das 9h às 13h e das 14h às 18h (custo de chamada local). Estamos inteiramente ao seu dispor.